UPA da Queimadinha registra superlotação e coordenadora pede que pacientes busquem outras Unidades de Saúde De acordo com Vera Galindo, alguns pacientes estão aguardando regulação do estado para serem transferidos.

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Queimadinha em Feira de Santana, registrou superlotação no último final de semana e os pacientes foram orientados a buscarem outras Unidades de Saúde.

A reportagem do Acorda Cidade esteve na UPA da Queimadinha e constatou que a enfermaria estava com superlotação e cerca de 10 pacientes ainda aguardavam atendimento na recepção.

Em entrevista ao Acorda Cidade, a coordenadora das Policlínicas e UPAs do município, Vera Galindo, explicou que faltam leitos para acomodar os pacientes.

“Nós estamos com as unidades superlotadas, com falta de leitos de retaguarda e estamos aguardando a regulação estadual para transferir estes pacientes das unidades, para um hospital. Estamos organizando da melhor forma possível, até porque não podemos deixar o paciente aguardando em cadeiras. Acabamos contando com a sorte, mas se o paciente piorar, não tem onde acomodar, por isso eu peço a comunidade, sei que é uma situação muito difícil, mas que possam buscar outras policlínicas mais próximas dos seus bairros”, informou.

O Acorda Cidade está em contato com A Central Estadual de Regulação e aguarda o retorno

 

Fonte: Acorda Cidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *