Lewis Capaldi anuncia pausa a turnê após ter crise durante show; assista

O cantor escocês Lewis Capaldi, conhecido pelo grande sucesso ‘Someone You Loved’, anunciou que irá se afastar dos palcos para cuidar da saúde.

A decisão foi comunicada pelo artista após um episódio marcante vivido no festival Glastonbury, no último sábado (24), quando o artista “perdeu a voz” durante uma crise da Síndrome de Tourette, e foi ajudado pelo público a finalizar as músicas.

Por meio de um comunicado, o artista de 26 anos, agradeceu ao público pelo apoio e afirmou que irá se afastar dos palcos para tentar se ajustar aos impactos da doença que não tem cura.

“Antes de tudo, obrigada a Glastonbury por me receber, por cantar junto quando eu precisei e por todas as mensagens maravilhosas na sequência. Isso realmente significa o mundo. O fato de isso não ser uma surpresa não torna mais fácil de escrever, mas eu sinto muito informar que eu vou dar um tempo em turnês no futuro próximo.”

Capaldi disse ter entendido que precisa de mais tempo para conseguir voltar aos palcos sem ser afetado pela doença e também precisa cuidar da saúde mental.

“Eu costumava aproveitar cada segundo de shows como esse e esperava que três semanas de distância me resolvessem. Mas a verdade é que ainda estou aprendendo a me ajustar ao impacto da minha síndrome de Tourette e no sábado ficou claro que preciso dedicar muito mais tempo para colocar minha saúde mental e física em ordem, para poder continuar fazendo tudo o que amo para muito tempo.”

O artista passaria com a turnê pela Europa, Austrália, parte da Ásia, Reino Unido e no Oriente Médio.

O que é a Sindrome de Tourette?

A Síndrome de Tourette é um distúrbio neuropsiquiátrico, que tem como características tiques múltiplos, sejam vocais ou motores. De acordo com o médico Dráuzio Varella, em 80% dos casos, os tiques motores são a manifestação inicial da síndrome, que geralmente se instalam na infância.

Entre os tiques estão psicar, franzir a testa, contrair os músculos da face, balançar a cabeça e outros mais complexos, como bater em objetos próximos ou tocar neles.

A causa do transtorno ainda é desconhecida. Segundo o médico, a síndrome pode estar associada a sintomas obsessivo-compulsivos (TOC), ao distúrbio de atenção com hiperatividade (TDAH) e a transtornos de aprendizagem.

A síndrome não tem cura, no entanto, pode ser controlada através da terapia comportamental cognitiva, e de medicamentos antipsicóticos, que se mostraram úteis na redução da intensidade dos tiques.

 

Fonte: iBahia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *